EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

exato neuraci

Mensagem  marco em Qua 02 Jul 2008, 01:51

Neuraci Vasconcelos escreveu:
marco escreveu:Surprised É um texto que nos faz repensar a forma que estamos ou fomos orientados a tratar com nossos alunos...porém, a evolução na educação nos põe sobre um outro objetivo e contexto perante aos mesmos, o fato de se sobresairem sob determinada situação em que há pressão não justifica dizer que são ou é um bom aluno.

O conjunto de valores que o texto traz, nos dá uma idéa do mix ou combinações que estão ao nosso alcance e vontade de aplica-los.

O papel do educador como mediador das necessidades no aprendizado do aluno não traduz somente no papel de ensinar, informar, trata-se também do papel de ser aquele que mostra ao(s) seu(s) aluno(s) a(s) oportunidade(s) que estão diante de si, as interpretações equivocadas do contexto social atual e que eles podem e devem ser seus próprios iluminadores para a mudança em seus desejos e sonhos.

A idéia de que há uma barreira social entre as classes é inegável, porém, iguais quando se trata de conquistas e mudanças....

Talvez seja agora, a hora de agarrar e motivar esses alunos (de uma forma geral e ampla) dando-lhes o que precisam, tal como receptividade, interesse, diminuir distâncias entre educador x aluno, termos mais visão junto aos mesmos e trabalhar na esperança que lhes cercam, e sem dúvida, isso torna-se um ato multiplicador à educação e à forma de como esses descasos ou desinteresse, são reais e diários.

Espero que tenham pontos de vista e interpretações a serem postadas e dicutidas....

Interessante o que você colocou Marcos sobre "O papel do educador como mediador das necessidades no aprendizado do aluno não traduz somente no papel de ensinar, informar, trata-se também do papel de ser aquele que mostra ao(s) seu(s) aluno(s) a(s) oportunidade(s) que estão diante de si", Gostaria de frisar que dentre as oportunidades está o acesso e uso educacional da sala de tecnologia. Foi um alto custo do governo que não pode se reduzir a apenas uma sala com equipamentos mas sim, num local onde se realiza momentos de ensino e aprendizagem. Pense nisso.

Porém, ainda estamos numa fase de aceitação cultural não é? E que, com certeza, o tempo e o nosso trabalho junto aos regentes e alunos, nos darão resultados que justificam a mudança do conceito de "sala de equipamentos" para "sala de conhecimento"....Concorda que é um trabalho que resultados virão não de forma 100% nesse primeiro momento?
Obrigado pelo post Very Happy
avatar
marco

Mensagens : 29
Data de inscrição : 17/06/2008
Localização : paranaíba

Ver perfil do usuário http://stenoturno-eejosegarcialeal.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Educação afetiva ou controladora? Foco no conteúdo ou em valores?

Mensagem  Cilma Barbosa em Qua 02 Jul 2008, 14:44

O texto de José Manuel Moran inicia com apresentação de um email recebido pelo professor no qual um aluno ressalta a importância que teve em sua vida o incentivo dado pelo professor.
Todos nós temos em nossa memória a lembrança de um professor que fez a diferença em nossas vidas. Aquele professor que nos motivou no momento em que estávamos quase desistindo.
Segundo o autor, na educação o incentivo e o apoio são mais importantes que a cobrança. A motivação faz com que o aluno alcance as metas sozinho e o professor deixa de ser um transmissor de conteúdos e passa a ser um mediador de aprendizagem.
A afetividade hoje é a maior carência que nossos alunos apresentam, uma vez que a maioria das famílias estão fragmentadas e o papel dos genitores em muitos casos não é assumido por ninguém. Isso não significa que o professor deva assumir tal papel, mas ele tem uma função fundamental na busca de sanar essa carência.
O professor incentivador é aquele que motiva e cobra ao mesmo tempo. A relação de troca de afeto que ele apresenta com os alunos e o seu equilíbrio emocional produz um desejo de progresso e uma crença maior em sua capacidade.
avatar
Cilma Barbosa

Mensagens : 9
Data de inscrição : 17/06/2008
Localização : Paranaíba - MS

Ver perfil do usuário http://cilmabarbosa.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

motivar os alunos

Mensagem  luciane em Qua 02 Jul 2008, 15:39

Nós como educadores precisamos estar sempre motivando nossos alunos e valorizando suas qualidades,para que estejam sempre com vontade de aprender.Assim estarão identificando se com o educador e realizando suas atividades pensando em melhorar seus conhecimentos.
avatar
luciane

Mensagens : 3
Data de inscrição : 16/06/2008
Localização : Cassilandia/M.S

Ver perfil do usuário http://lucianeblogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

É isso mesmo

Mensagem  luciane em Qua 02 Jul 2008, 16:06

Realmente a Luciana tem toda razão,principalmente se pensarmos como nossos alunos interagem em casa com sua família,como são tratados e se são respeitados e valorizados como realmente deve ser.Precisamos colocar em prática e não ver somente os problemas que temos em sala.
Tenho certeza que nós como educadores saberemos achar a solução para melhorar a qualidade de aprendizagem de nossos alunos. scratch
avatar
luciane

Mensagens : 3
Data de inscrição : 16/06/2008
Localização : Cassilandia/M.S

Ver perfil do usuário http://lucianeblogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Mariúcha Gorre em Qua 02 Jul 2008, 17:18

Achei muito interessante o texto.
Mostra uma realidade comum em nossas escolas, a educação controladora, todos nós já passamos pelo menos por um educador assim em nossa vida escolar.
Então porque repetir tais atitudes?
O texto traz uma luz, para nós, sim, existe outras maneiras de educar - ensinar.
Incentivo e apoio são a chave de uma mudança.
avatar
Mariúcha Gorre

Mensagens : 12
Data de inscrição : 18/06/2008
Idade : 39
Localização : Bataguassu - MS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Mariúcha Gorre em Qua 02 Jul 2008, 17:39

Ana Ruthi escreveu:por Ana Ruthi Hoje à 2:08 pm

Muito bom, poder fazer essa reflexão, isso faz com que melhoremos cada vez mais o nosso método de ensino, nos faz lembrar o porquê estamos trabalhando na educação, se é pelo prazer de ensinar, alcançando nossos objetivos com os resultados no final de cada ano letivo, ou por uma necessidade econômica?
Sem um bom relacionamento não haverá construção da coletividade e isso só acontecerá se soubermos trabalhar o aluno. Então temos que sempre motivá-los, inspirando confiança e dialogando, para não cometermos erros no processo ensino-aprendizagem.
Para haver diálogo verdadeiro não pode haver formas agressivas de pressão e de poder, às vezes meio difícil de se controlar, pois sabemos do poder que detêm o professor numa série de situações. Entretanto, considerando o objetivo comum de melhorar as aulas, temos que abrir mão o quanto for necessário ou saber como utilizar esse poder para o bem da coletividade.
Se soubermos trabalhar essa afetividade mútua, com certeza o resultado do nosso trabalho será bem mais vantajoso.O próprio aluno vai se conscientizar de que necessita aprender.
O texto nos mostra que para avançarmos de acordo com a evolução tecnológica é necessário trabalhar com afetividade, assim o desenvolvimento vem, sem mesmo percebermos.
Hoje precisamos transformar essas crianças em cidadãos conscientes daquilo que querem para o seu futuro.


Professora você foi precisa quando diz: ....Hoje precisamos transformar essas crianças em cidadãos conscientes daquilo que querem para o seu futuro. Concordo com você, temos este comprometimento com nossos alunos.
avatar
Mariúcha Gorre

Mensagens : 12
Data de inscrição : 18/06/2008
Idade : 39
Localização : Bataguassu - MS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Educação afetiva ou controladora

Mensagem  silvana em Qua 02 Jul 2008, 17:54

Eu também concordo com o texto de Moram, quando a gente passa para os alunos mais credibilidade naquilo que faz do que naquilo que fala ,fica mais facil encontrar os caminhos que levam a aprendizagem. Muitas vezes nos queremos passar uma imagem de autoridade e por isso nos distanciamos dos alunos.Acreditamos que para sermos respeitados precisamos manter umacerta distancia .Afinal foi assim que a maioria de nos foi educado.Hoje depois de tantos estudos e da necessidade de mudança nos vencontramos num momento de transição,sabemos a importancia e anecessidade de atitudes diferenciadas mas muitas vezes nao sabemos que caminho percorrer.
Por isso cada vez mais eu acredito na importancia da atualização do profissional da educação.Educar atraves de incentivos é mais um desafio que a cada dia que passa estamos conseguindo vencer atraves de muita reflexão e muita persistencia.

silvana

Mensagens : 3
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  silvana em Qua 02 Jul 2008, 18:01

luciane escreveu:Nós como educadores precisamos estar sempre motivando nossos alunos e valorizando suas qualidades,para que estejam sempre com vontade de aprender.Assim estarão identificando se com o educador e realizando suas atividades pensando em melhorar seus conhecimentos.

Concordo com voce luciane, precisamos estar sempre motivando os alunos, buscando melhorar a comunicação entre professores e alunos, um relacionamento pautado na verdade.Quando o aluno confia no professor , ele passa a creditar no que o professor diz.

silvana

Mensagens : 3
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Educação afetiva ou controladora?Foco no conte´udo ou em valores

Mensagem  Guilherma em Qui 03 Jul 2008, 14:26

Tenho certeza de que a educação como incentivo é o melhor recurso que o professor pode usar, com seus alunos, para alcançar seus objetivos.
quando encontramos alunos que se acham incapazes de conseguir a realizar tudo aquilo que lhe é proposto, devemos fazer o possível para motivar e levá-la a acreditar que é capaz de conseguir tudo aquilo que lhe é determinado.
Mas se queremos ser controladora para obter resultados imediatos, depois não sabemos se o interesse dos alunos vai ser o mesmo, e se continuam com o mesmo objetivo ou simplesmente executam atividades supervisionadas.
Embora o grande momento é necessidade da inovação é incentivo-tecnológico que se faz necessário. Não podemos deixar de observar a diferença entre tecnologia e a afetividade. A grande inclusão que precisamos na educação não é tecnológico, mas a afetiva ( valores ).
Temos que levá-lo a crer que apesar das contradições, somos capazes de realizar tudo com sucesso. Num mundo cheio de valores e visões contraditórias temos que levar o aluno a acreditar em sua capacidade.


[justify]
avatar
Guilherma

Mensagens : 10
Data de inscrição : 18/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

considerações- leitura / selviria -Maria Cristina

Mensagem  Maria Cristina em Qui 03 Jul 2008, 16:31

Gostei muito do texto, pois o mesmo nós remete a verdadeira educação que o mundo de hoje exige de todos nos educadores.
avatar
Maria Cristina

Mensagens : 13
Data de inscrição : 26/06/2008
Localização : Selviria - ms

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Maria Melo em Sex 04 Jul 2008, 14:00

zenilda escreveu:Laughing O texto nos faz refletir o nosso papel de educador e orientador. Nos lembra que é importante motivar e incentivar o aluno sem cobranças. Precisamos olhar para o aluno com olhos de afetividade(acolher os alunos, valorizá-los, dar força, esperança e entusiasmo), com isso eles caminham mais seguros. O educador precisa mostrar-lhes com cerência as contradições de nossa sociedade que valoriza muito a aparência (onde o faz de conta, a mentira, os valores materiais predominam. Quanto mais o educador trabalha a comprensão do mundo no equilibrio emocional, na troca de afeto, ajuda os alunos a acreditarem em si mesmo. E voltando para nossa realidade "escola publica", os nossos alunos a maioria são filhos de famílias carentes (econômico e afeto). A maioria tem problemas familiares (pais separados, moradia, desnutrição, violência doméstica). E sabemos que o mundo é constituido de instituições, e a maior e mais importante de todas é a família, que nesse caso é uma instituição falida. E esse texto nos faz lembrar o quanto é importante passar confiança e acreditar nas possibilidades de cada um. Abraços a todos! cheers

Concordo plenamente! Eu sempre disse que o verdadeiro educador (aquele q nasce com a dádiva divina) é esse gande incentivador, que passa confiança e carinho também. bjs da Maria
avatar
Maria Melo

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Maria Melo em Sex 04 Jul 2008, 14:08

Ana Ruthi escreveu:por Ana Ruthi Hoje à 2:08 pm

Muito bom, poder fazer essa reflexão, isso faz com que melhoremos cada vez mais o nosso método de ensino, nos faz lembrar o porquê estamos trabalhando na educação, se é pelo prazer de ensinar, alcançando nossos objetivos com os resultados no final de cada ano letivo, ou por uma necessidade econômica?
Sem um bom relacionamento não haverá construção da coletividade e isso só acontecerá se soubermos trabalhar o aluno. Então temos que sempre motivá-los, inspirando confiança e dialogando, para não cometermos erros no processo ensino-aprendizagem.
Para haver diálogo verdadeiro não pode haver formas agressivas de pressão e de poder, às vezes meio difícil de se controlar, pois sabemos do poder que detêm o professor numa série de situações. Entretanto, considerando o objetivo comum de melhorar as aulas, temos que abrir mão o quanto for necessário ou saber como utilizar esse poder para o bem da coletividade.
Se soubermos trabalhar essa afetividade mútua, com certeza o resultado do nosso trabalho será bem mais vantajoso.O próprio aluno vai se conscientizar de que necessita aprender.
O texto nos mostra que para avançarmos de acordo com a evolução tecnológica é necessário trabalhar com afetividade, assim o desenvolvimento vem, sem mesmo percebermos.
Hoje precisamos transformar essas crianças em cidadãos conscientes daquilo que querem para o seu futuro.

Isso! afetividade + tecnologia... se soubermos aproveitas todo potencial dessa parceria muitos problemas disiciplinares e de aprendizagem seriam diminuídos! bjs da Maria


Última edição por Maria Melo em Sex 04 Jul 2008, 14:14, editado 1 vez(es)
avatar
Maria Melo

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Maria Melo em Sex 04 Jul 2008, 14:11

Maria Cristina escreveu:Gostei muito do texto, pois o mesmo nós remete a verdadeira educação que o mundo de hoje exige de todos nos educadores.

curto e objetivo.. isso mesmo, Cristina!! bjs
avatar
Maria Melo

Mensagens : 13
Data de inscrição : 16/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Olha Hilda concordo com você

Mensagem  Guilherma em Sex 04 Jul 2008, 22:13

hilda zp escreveu:PROF. MORAN, foi muito preciso quando escreve sobre a afetividade, porque estamos vivendo uma fase em que a instituição família está banalizada e a sociedade continua excludente.
O educador tem hoje um papel de pai, mãe, psicólogo e etc; sendo fundamental no desenvolvimento do potencial de cada aluno, dentro das suas possibilidades. Embora, a existência de alguns impecílios tais como a formação ea valorização do profissional podem interferir no processo de ensino e aprendizagem.
Somente o uso da tecnologia não é suficiente (ajuda,é claro),mas, acultura de dominadores e dominados é a barreira mais difícil de ser transposta.

Hilda concordo com você, quando se refere sobre a afetividade na escola e sobre a função dos educadores. Hoje temos na educação um grande problema, crianças que trás seus problemas para sala de aula, e o professor com seu olhar humano e com afetiviade pode ajudar seu aluno. Devemos usar a tecnologia junto com à afetividade para encontrar soluções para a melhoria da educação.

Guilherma
avatar
Guilherma

Mensagens : 10
Data de inscrição : 18/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  vitoriacem@bol.com.br em Qua 17 Set 2008, 19:54


O professor bem sucedido
[/center]

Existe todo tipo de professor, como o professor acomodado, e aquele que tem gama de conhecimento.
O bom professor tem consciência de seu papel como educador, ele sabe que pode vir a ser um veiculo de transformação, sabe que e preciso adquirir cultura, para passar para os alunos.
A educação e algo que se aprende em casa, na comunidade, mais na escola o aluno tem mais acesso ao ensino-aprendizagem, a descobrir o mundo através dos livros, da tecnologia sob orientação do seu mestre responsável pela sua aprendizagem.
O bom professor acompanha os avanços na educação, na tecnologia, faz cursos, adquire novos conhecimentos sempre.
As crianças, jovens e adolescentes de varias culturas diferentes, vários níveis socioeconômicos diferentes, e é por isso que temos que criar um vincula de amizade com nossos alunos, conhecendo-o melhor para assim podermos planejar que tipo de conhecimento e de que maneira devemos levar aos nossos alunos e como orienta~los.
Hoje a tecnologia avança muito rápido, muitos professores preferem viver no passado, não compreendem que nossos alunos fazem parte de uma nova geraça0 (a geração das maquinas, do apertar botão etc.), esse professores se não mudarem suas mentes, para a grande transformação que já se iniciou, logo vão ficar para traz sem condição de poder orientar seus alunos nem motiva-los a então vão perder seu espaço.
Todo professor e um educador, orientador, gestor, e no futuro breve, não existira mais aquele tipo de aula, eu falo você escuta, ou quadro negro cheio de conteúdos para se copiar, e alunos cansados e desmotivados, com a mesma aula de sempre. No futuro todos vão ter acesso garantido a internet ,poder interagir ,com outras cidades, paises trocar informações, pesquisar e descobrir novas coisas de varias maneiras ampliando seus conhecimentos de maneira geral.
O professor e um transformador, e sabe que uma sociedade só pode ser mudada com educação e cultura já que as duas andam juntas.
[flash][/flash[/font]

vitoriacem@bol.com.br

Mensagens : 11
Data de inscrição : 06/08/2008
Idade : 53

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Educação afetiva ou controladora? Foco no conteúdo ou em valores?

Mensagem  thiagobrasilandia em Sex 10 Out 2008, 13:19

[b]Educação afetiva ou controladora? Foco no conteúdo ou em valores?
José Manuel Moran

Basketball
Bom dia pessoal do blog não há duvida que o melhor meio de aprendizagem é incentivando o seu aluno, o professor só tem que saber como tocar este aluno, sempre tem que ter esta interação entre os dois.
Nos professores somos grandes responsáveis pelo desenvolvimento deste aluno pelo fato dele passar a sua juventude nas escolas, temos que ter o conhecimento e saber usar, com a união dos professores sempre falando a mesma língua.[/b]
avatar
thiagobrasilandia

Mensagens : 9
Data de inscrição : 10/07/2008
Idade : 35
Localização : Brasilandia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Educação afetiva ou controladora?

Mensagem  Omar O. Dorigan em Ter 21 Out 2008, 16:54

A impotância de sermos hoje professores de trabalho efetivo, participativo e incentivador tem papel significante no aprendizado dos educandos, restabelecendo e dinamizando o dominio das técnicas e das descobertas auxiliares, num papel de ajudante dessa missão, que complementará e formará ainda mais nosso conhecimento. Tanto professores, quanto gestores ou coordenadores têm que transmitir confiança, falar a mesma língua e acreditar nos potenciais, incentivando o cidadão para o seu crescimento global.
Quando participamos com os alunos da descoberta e do sucesso de realização cria se um elo de admiração, respeito e solidariedade e envolvimento, caracterizando nos cumprisses de tais metas e parceiros em toda descoberta. Importante é rever as formas de cobrança e suas alternativas mais variadas, oferecendo mais e mais técnicas de alcançar os objetivos propostos.

Omar O. Dorigan

Mensagens : 3
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  rosana em Sex 31 Out 2008, 18:47

Educação afetiva ou controladora



Cada vez mais percebo que os alunos precisam de afeto, incentivo para crescerem com esperança e segurança. No entanto muitos educadores ainda tentam dominar seus alunos, são verdadeiros controladores, porque um verdadeiro mestre que ama sua profissão, automaticamente transmite confiança para seus alunos, vindo a conquistá-los.
Somente afetivos educadores podem através do amor pela “arte de ensinar” ser exemplo de paciência, sabedoria e humildade para só assim aprender ensinando.
Professor é aquele que rompe barreiras, “abre janelas”, pois além de sua disciplina, não deve esquecer-se de que existe um mundo globalizado e para enfrenta-lo é preciso além de profissionais formar cidadãos para lidar com as emoções, tornando-os politizados, fazendo a diferença.
avatar
rosana

Mensagens : 6
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: EDUCAÇÃO AFETIVA OU CONTROLADORA? FOCO NO CONTEÚDO OU EM VALORES? (José Manuel Moran)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum