INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  Equipe NTE/TL em Seg 23 Jun 2008, 16:10

Caro professor, após a leitura do texto "INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO" , de José Armando Valente, publique neste fórum seu ponto de vista, seus questionamentos e descobertas (Botão POSTREPLY). Interaja também com seus colegas, complementando sua participação (Botão QUOTE), afinal, este espaço é uma das nossas salas de aula virtual. Nela também ocorre aprendizados, só depende de nós!

OBS.: Utilize o botão POSTREPLY para fazer suas postagens. Para interagir com seus colegas, utilize o botão QUOTE da mensagem do mesmo. JAMAIS use o botão NEWTOPIC, o mesmo está destinado apenas à administração do fórum.
avatar
Equipe NTE/TL
Admin

Mensagens : 16
Data de inscrição : 11/06/2008

Ver perfil do usuário http://eadste.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informátcia na Educação

Mensagem  Mireille em Ter 24 Jun 2008, 15:59

A informática vem adquirindo cada vez mais relevância no cenário educacional. Sua utilização como instrumento de aprendizagem e sua ação no meio social vem aumentando de forma rápida entre nós. Nesse sentido, a educação vem passando por mudanças estruturais e funcionais frente a essa nova tecnologia. E como toda mudança, (essa não seria diferente)tudo isso causa insegurança nos professores, que num primeiro momento temem sua substituição ou a não adequação às novas tecnologias, fato este que deve ser discutido e analisado, pois o computador pode realmente provocar uma mudança no paradigma pedagógico e pôr em risco aquele profissional que concebe a educação como uma simples operação de transferência de conhecimento do mestre para o aluno.
Vemos isso claramente na abordagem instrucionista, onde o uso do computador consistia simplesmente na informatização dos meios tradicionais de de instrução. No entanto, o computador pode enriquecer ambientes de aprendizagem, onde o aluno, interagindo com os objetos desse ambiente, tem uma chance de construir o seu conhecimento. Essa reviravolta muda o foco de ensino do instrucionismo para o construcionismo, muitas vezes sem que haja alguma declaração explícita, venha a ser uma situação que surge naturalmente. Seria o essencial para todos nós!
Bjs
MIREILLE
I love you
avatar
Mireille

Mensagens : 18
Data de inscrição : 17/06/2008
Idade : 45
Localização : Paranaíba

Ver perfil do usuário http://steacccnoturno.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informática na Educação

Mensagem  Simone Aparecida Silva de em Qua 25 Jun 2008, 14:36

O computador não deve ser visto pelo aluno e professor como a solução do problema, mas sim com um caminho para encontrar a solução. O aluno deve usar um programa para ajudá-lo a fazer buscas e solucionar desafios. O professor deve conhecer o programa para poder orientar esse aluno em suas atividades, para realizar buscas e desenvolver potencialidades. O software deve sero ponto de partida e meio e não a somente solução. Laughing
avatar
Simone Aparecida Silva de

Mensagens : 19
Data de inscrição : 18/06/2008
Idade : 36
Localização : Costa Rica

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

sim mireille....

Mensagem  marco em Qua 25 Jun 2008, 18:10

Mireille escreveu: A informática vem adquirindo cada vez mais relevância no cenário educacional. Sua utilização como instrumento de aprendizagem e sua ação no meio social vem aumentando de forma rápida entre nós. Nesse sentido, a educação vem passando por mudanças estruturais e funcionais frente a essa nova tecnologia. E como toda mudança, (essa não seria diferente)tudo isso causa insegurança nos professores, que num primeiro momento temem sua substituição ou a não adequação às novas tecnologias, fato este que deve ser discutido e analisado, pois o computador pode realmente provocar uma mudança no paradigma pedagógico e pôr em risco aquele profissional que concebe a educação como uma simples operação de transferência de conhecimento do mestre para o aluno.
Vemos isso claramente na abordagem instrucionista, onde o uso do computador consistia simplesmente na informatização dos meios tradicionais de de instrução. No entanto, o computador pode enriquecer ambientes de aprendizagem, onde o aluno, interagindo com os objetos desse ambiente, tem uma chance de construir o seu conhecimento. Essa reviravolta muda o foco de ensino do instrucionismo para o construcionismo, muitas vezes sem que haja alguma declaração explícita, venha a ser uma situação que surge naturalmente. Seria o essencial para todos nós!
Bjs
MIREILLE
I love you

diante destes fatos que estão ocorrendo em todas as esferas da educação, nosso trabalho têm um sentido significativo e relevante ao processo. Pode parecer, nesse primeiro momento, que não tenhamos perante os olhos dos demais colégas, essa função de formar, informar e mediar...Mas acredito assim como você, que tudo é uma questão de tempo e paciência à esse processo todo....abraços e parabéns pelo post rabbit
avatar
marco

Mensagens : 29
Data de inscrição : 17/06/2008
Localização : paranaíba

Ver perfil do usuário http://stenoturno-eejosegarcialeal.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

concordo simone....

Mensagem  marco em Qua 25 Jun 2008, 18:14

Simone Aparecida Silva de escreveu:O computador não deve ser visto pelo aluno e professor como a solução do problema, mas sim com um caminho para encontrar a solução. O aluno deve usar um programa para ajudá-lo a fazer buscas e solucionar desafios. O professor deve conhecer o programa para poder orientar esse aluno em suas atividades, para realizar buscas e desenvolver potencialidades. O software deve sero ponto de partida e meio e não a somente solução. Laughing
Mas não devemos nos esquecer do nosso papel....Sei que pode ser para alguns, uma função cômoda, porém, é pelo contrário, a resistência e medo daqueles que fogem da tecnologia e suas ferramentas serão cobrados pelos próprios alunos, e têm que sair desse casulo para buscarem conhecimento e pesquisa...
parabéns e abraços Laughing
avatar
marco

Mensagens : 29
Data de inscrição : 17/06/2008
Localização : paranaíba

Ver perfil do usuário http://stenoturno-eejosegarcialeal.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

informática na educação

Mensagem  rosa em Qua 25 Jun 2008, 23:37

O uso do computador na educação para a construção do conhecimento e compreensão de novas idéias e valores apresenta enormes desafios, tanto para o professor como para o aluno. Do professor, exige-se uma análise de seu papel nesse novo contexto, pois não basta ele ter apenas o conhecimento técnico do uso de cada software, é preciso traçar metas de como e porque integrar o computador na sua prática pedagógica para que haja um diferencial satisfatório no ensino-aprendizagem. Já o aluno, precisa conscientizar-se que o uso do computador e seus recursos, o ajudarão na busca e construção do seu conhecimento, mas é necessário que ele o veja não apenas como um recurso multimídia para jogos, vídeos, chats, orkut ou músicas.
O uso correto das novas tecnologias, quando visto sob um novo olhar pedagógico, é um importante auxílio capaz de despertar o interesse do aluno, para que esse o veja como um reforço da educação tradicional na construção do seu conhecimento.
avatar
rosa

Mensagens : 8
Data de inscrição : 16/06/2008
Localização : Aparecida do Taboado - MS

Ver perfil do usuário http://diariorosacatarina.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Computador como ferramenta

Mensagem  CleuniceMelo em Qui 26 Jun 2008, 01:35

Simone Aparecida Silva de escreveu:O computador não deve ser visto pelo aluno e professor como a solução do problema, mas sim com um caminho para encontrar a solução. O aluno deve usar um programa para ajudá-lo a fazer buscas e solucionar desafios. O professor deve conhecer o programa para poder orientar esse aluno em suas atividades, para realizar buscas e desenvolver potencialidades. O software deve sero ponto de partida e meio e não a somente solução. Laughing
. Certo Simone, todos os recursos tecnológicos devem ser vistos como instrumentos para auxiliar na criação de conceitos, pois quando o aluno busca soluções para um problema, comete erros, percebe outras maneiras de solucionar o problema, certamente ele estará construindo seu próprio conhecimento e não sendo apenas um mero receptor.
avatar
CleuniceMelo

Mensagens : 5
Data de inscrição : 16/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  EuniceMaria em Qui 26 Jun 2008, 02:01

rosa escreveu:
O uso do computador na educação para a construção do conhecimento e compreensão de novas idéias e valores apresenta enormes desafios, tanto para o professor como para o aluno. Do professor, exige-se uma análise de seu papel nesse novo contexto, pois não basta ele ter apenas o conhecimento técnico do uso de cada software, é preciso traçar metas de como e porque integrar o computador na sua prática pedagógica para que haja um diferencial satisfatório no ensino-aprendizagem. Já o aluno, precisa conscientizar-se que o uso do computador e seus recursos, o ajudarão na busca e construção do seu conhecimento, mas é necessário que ele o veja não apenas como um recurso multimídia para jogos, vídeos, chats, orkut ou músicas.
O uso correto das novas tecnologias, quando visto sob um novo olhar pedagógico, é um importante auxílio capaz de despertar o interesse do aluno, para que esse o veja como um reforço da educação tradicional na construção do seu conhecimento.
Rosa, está aí o grande desafio do professor de STE: interiorizar os recursos midiáticos de forma a integrá-los no seu dia-a-dia naturalmente, ao ponto dos mesmos não serem 'notados' no decorrer das ações, porém, indispensáveis à realização das mesmas. Esta seria uma das mais almejadas etapas no desenvolvimento do processo de informatização nas escolas descrito por Moran.
Um outro grande desafio dos professores de STE neste contexto é conseguir cativar os professores regentes para o uso responsável dos recursos presentes na escola em prol do processo de ensino e aprendizagem.
"Tem idéia de como poderia conseguir esta façanha? Por que as STE são pouco utilizadas, ou mesmo que utilizadas, não com tanta qualidade? O que falta? O que fazer? Como fazer?" São indagações que nos cercam no decorrer dos dias e, na maioria das vezes, não temos tempo de parar, estudar estratégias e caminhos para reverter o processo. E o grande vilão de tudo isso está nisso que você falou: "um novo olhar pedagógico" sobre a realidade que nos rodeia.
Abraços.
avatar
EuniceMaria

Mensagens : 80
Data de inscrição : 11/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

A informática como uma ferramenta de ensino nas aulas

Mensagem  Ludmilla Machado Neves em Qui 26 Jun 2008, 13:49

A evolução do mundo nas tecnologias vêm ocorrendo de uma forma que não temos outra alternativa a não ser acompanhá-las. E para que isso ocorra os professores precisam de conhecimentos básicos em informática, e em como usar essa tecnologia a seu favor e principalmente a favor dos alunos.
A educação precisa de um novo gás, uma reviravolta, e nós estamos tendo a oportunidade de mudar esse conceito de educação metódica e quadrada que nossos alunos odeiam.
Temos a oportunidade (e acho que é isso que falta) de fazer com que seja prazerosa a busca pelo conhecimento (constucionista), pois quando há um envolvimento direto dos alunos o retorno em aprendizagem é maior tanto em conteúdo quanto na área de informática, preparando-o para o mercado de trabalho.
E existe softwars ótimos para uma abordagem instrucionista, onde o aluno faz a mesma atividade que faria na sala de aula só que de uma forma mais dinâmica e empolgante, o que trará um melhor resultado.
Ludmilla. scratch
avatar
Ludmilla Machado Neves

Mensagens : 9
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Complemento

Mensagem  VitorApt em Qui 26 Jun 2008, 13:52

Vejo a informática na educação como um auxiliar, um complemento daquilo que o aluno recebeu em sala pelo professor. Através dos recursos que o computador e internet podem oferecer, o aluno pode absorver com mais facilidade aquilo que já foi ensinado. Não devemos enxergar a sala de informática como a salvação para os problemas de aprendizagem em sala, mas como um início de melhora. Em tempos que os estudantes estão sem perspectivas, novas formas de incentivo e aprendizagem são extremamente bem vindas.
avatar
VitorApt

Mensagens : 19
Data de inscrição : 17/06/2008
Idade : 34

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  hilda zp em Qui 26 Jun 2008, 14:29

OI! MIREILLI.
Concordo quando você escreve que há receio do "novo", portanto, temos que pensar na qualificação contínua e estarmos preparados para os desafios e potencialidades da nova sociedade, já que até pouco tempo o que se aprendia nas instituições de ensino bastava por um longo período, mas hoje, não é suficiente para o rítmo frenético das transformações, que por certo deixa alguns atordoados.
Tenho convicção : de que o professor não será substituido, somos capazes de criar mecanismos de adaptação.
Este é meu lema: "SABER, CRER E QUERER".


Última edição por hilda zp em Qui 26 Jun 2008, 14:38, editado 1 vez(es)
avatar
hilda zp

Mensagens : 12
Data de inscrição : 16/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  Lidiane Mariano em Qui 26 Jun 2008, 16:31

Ludmilla Machado Neves escreveu:A evolução do mundo nas tecnologias vêm ocorrendo de uma forma que não temos outra alternativa a não ser acompanhá-las. E para que isso ocorra os professores precisam de conhecimentos básicos em informática, e em como usar essa tecnologia a seu favor e principalmente a favor dos alunos.
A educação precisa de um novo gás, uma reviravolta, e nós estamos tendo a oportunidade de mudar esse conceito de educação metódica e quadrada que nossos alunos odeiam.
Temos a oportunidade (e acho que é isso que falta) de fazer com que seja prazerosa a busca pelo conhecimento (constucionista), pois quando há um envolvimento direto dos alunos o retorno em aprendizagem é maior tanto em conteúdo quanto na área de informática, preparando-o para o mercado de trabalho.
E existe softwars ótimos para uma abordagem instrucionista, onde o aluno faz a mesma atividade que faria na sala de aula só que de uma forma mais dinâmica e empolgante, o que trará um melhor resultado.
Ludmilla. scratch




Concordo com vc Ludmilla e complemento dizenso que as possibilidades de implantação de novas técnicas de
ensino são praticamente ilimitadas e contamos, hoje, com o custo financeiro
relativamente baixo para implantar e manter laboratórios de computadores, cada
vez mais demandados tanto por pais quanto por alunos.


E tudo isso causa insegurança nos professores, que num primeiro momento
temem sua substituição por máquinas e programas capazes de cumprir o papel
antes reservado para o ser humano. Mas o computador pode realmente provocar uma
mudança no paradigma pedagógico e pôr em risco a sobrevivência profissional
daqueles que concebem a educação como uma simples operação de transferência de
conhecimentos do mestre para o aluno.


No paradigma instrucionista, o uso do computador na educação consistiria
simplesmente na informatização dos meios tradicionais de instrução. "No
entanto, o computador pode enriquecer ambientes de aprendizagem onde o aluno,
interagindo com os objetos desse ambiente, tem chance de construir o seu
conhecimento". Aí está a grande "sacada" do uso do computador.
Uma reviravolta que muda o foco de ensino do instrucionismo para o
construcionismo, muitas vezes sem que haja uma declaração teórico-pedagógica
explícita.
avatar
Lidiane Mariano

Mensagens : 36
Data de inscrição : 17/06/2008
Idade : 38

Ver perfil do usuário http://lidimariano79.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informática na Educação

Mensagem  ivani em Qui 26 Jun 2008, 18:00

O uso do computador como um meio de buscar novos conhecimentos apresenta grandes desafios e não temos outra alternativa a não ser acompanhar a evolução dessa tecnologia. A educação precisa de algo novo e esse novo deve partir principalmente de nós que estamos acostumados com tudo pronto, acho que é o momento de pararmos e refletirmos no quanto a tecnologia pode nos ajudar quanto educadores, não que a informática vai resolver todos os nossos problemas, mas pode ser o início da resolução dos mesmos. cheers
avatar
ivani

Mensagens : 17
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

REALMENTE LUDMILLA!

Mensagem  Jadir Alves Moreira Jr. em Qui 26 Jun 2008, 19:39

Ludmilla Machado Neves escreveu:A evolução do mundo nas tecnologias vêm ocorrendo de uma forma que não temos outra alternativa a não ser acompanhá-las. E para que isso ocorra os professores precisam de conhecimentos básicos em informática, e em como usar essa tecnologia a seu favor e principalmente a favor dos alunos.
A educação precisa de um novo gás, uma reviravolta, e nós estamos tendo a oportunidade de mudar esse conceito de educação metódica e quadrada que nossos alunos odeiam.
Temos a oportunidade (e acho que é isso que falta) de fazer com que seja prazerosa a busca pelo conhecimento (constucionista), pois quando há um envolvimento direto dos alunos o retorno em aprendizagem é maior tanto em conteúdo quanto na área de informática, preparando-o para o mercado de trabalho.
E existe softwars ótimos para uma abordagem instrucionista, onde o aluno faz a mesma atividade que faria na sala de aula só que de uma forma mais dinâmica e empolgante, o que trará um melhor resultado.
Ludmilla. scratch


O que você disse é bem pertinente Ludmilla. Umas vez que podemos ouvir os professores comentando pelos corredores da escola sobre certa atividade que eles deram em sala de aula e os alunos mal se interessaram em fazer, mas quando os trouxeram para a STE eles fizeram todo o trabalho proposta por eles (professor regente) e ainda ficam cobrando-os em sala que eles (alunos) querem ir para a Sala de Tecnologia, perguntado quando que vão leva-los novamente. E comentam mais, dizem que o aluno que é indisciplinado em sala de aula, na STE é o que menos dá trabalho, já que fica vidrado na frente do computador.
Uma vez notado esta certa evolução, devemos tentar englobar de vez esta realidade que já está bem próximo de nós em nosso alunos, aproveitar este recurso a mais para trazer o aluno a esta forma empolgante de aprender, no qual com certeza um trabalho em conjunto - professor regente e sala de tecnologia - trará resultados bem mais satisfatórios tanto para o aluno como para o professor, pois o aluno terá vontade de aprender e o professor satisfação de ensinar.
avatar
Jadir Alves Moreira Jr.

Mensagens : 14
Data de inscrição : 16/06/2008
Idade : 33
Localização : Aparecida do Taboado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lidiane

Mensagem  Ludmilla Machado Neves em Sex 27 Jun 2008, 12:35

Concordo, pois, todas as profissões precisam passar por “reciclagens” ou “capacitações”, quase todos os profissionais têm que aprender informática para se firmarem no mercado de trabalho. E o professor não deve ser diferente. É necessário que ele aprenda para que possa repassar informações inclusive sobre tecnologia a esses futuros profissionais

Beijos flower
avatar
Ludmilla Machado Neves

Mensagens : 9
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informática na Educação

Mensagem  josemeire em Sex 27 Jun 2008, 17:54

Segundo José Armando Valente “... a atividade de uso do computador pode ser feita tanto para continuar transmitindo a informação para o aluno e, portanto, para reforçar o processo instrucionista, quanto para criar condições para o aluno construir seu conhecimento por meio da criação de ambientes de aprendizagem que incorporem o uso do computador...”. Partindo desse princípio, acredito que a forma de aprendizagem depende de cada pessoa e para mediar esta busca por conhecimentos, o computador e suas tecnologias têm sido utilizados para diferentes fins e em variados contextos mas o uso em ambientes de aprendizagem implica em entender o computador como uma nova maneira de representar o conhecimento, provocando um redimensionamento dos conceitos já conhecidos e possibilitando a busca e compreensão de novas idéias e valores. Quando entendermos que nesse ambiente é possível disponibilizar uma nova maneira de fixar os conteúdos aprendidos em sala de aula, além de permitir o desenvolvimento da coordenação motora, aprimorando o raciocínio, a criatividade e a inteligência , teremos iniciado o processo da informática na educação.
avatar
josemeire

Mensagens : 15
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Instrucionismo x Construcionismo

Mensagem  Maria Cláudia em Sex 27 Jun 2008, 18:46

Informática na educação: instrucionismo x construcionismo

Quando colocados diante do desafio de produzir material a ser utilizado em computadores, com o propósito de aplicá-lo no ensino, nós educadores nos vemos obrigados a optar, a principio, por algumas estratégias dentre as várias disponíveis.
Em primeiro lugar deve-se definir qual o papel que se deseja que o computador exerça perante o aluno. No instrucionismo fundamenta-se no princípio de que a ação de ensinar é fortemente relacionada com a transmissão de informação (instrução) ao aluno. A melhoria do ensino, sob esta ótica, consiste em aperfeiçoar as técnicas de transmissão da informação. O computador começou a entrar neste contexto para auxiliar e incrementar o processo de comunicação.
Já o Construcionismo se fundamenta numa perspectiva diversa. O aprendizado é encarado como uma atitude ativa, onde o aluno constrói o próprio conhecimento. O uso dos computadores sob a ótica construcionista parte de uma direção inversa à do Instrucionismo. Nela, o aluno, através de um software apropriado, aprende exercitando uma tarefa de "ensinar" utilizando o computador.
Apesar de diferentes, as duas filosofias não são necessariamente opostas. Cada experiência de aprendizado pode melhor adequar-se a uma determinada filosofia, ou a uma composição balanceada de ambas.
O atual estágio tecnológico nos coloca diante de um cenário completamente diverso ao de muitos anos atrás. Não há dúvidas que o computador e a telemática têm criado condições e incentivado a constituição de sítios de informações e programas de grande riqueza potencial. Quantidades enormes de textos, imagens, sons, animações e vídeos estão disponíveis à espera dos alunos, que os explore, sem contar a diversidade de programas.

Por que motivo, este enorme potencial não se traduz em um rico trabalho de uso do computador na educação? Existem, com certeza, muitas respostas para esta pergunta, que começam da necessidade de adequação de nós educadores a um mundo imerso em Novas Tecnologias. No entanto é clara a necessidade de um intenso trabalho não apenas da educação em direção à informática, na busca de extrair desta, meios de traduzi-la em agente de educação, como também da informática em direção ao ensino, no processo de construir ferramentas especialmente voltadas para a educação que potencializem a mediação entre educador – computador – educando.
avatar
Maria Cláudia

Mensagens : 11
Data de inscrição : 17/06/2008
Idade : 41

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Modernidade...

Mensagem  Andre em Sex 27 Jun 2008, 18:50

A colega Ludmilla escreveu...
"A evolução do mundo nas tecnologias vêm ocorrendo de uma forma que não temos outra alternativa a não ser acompanhá-las. E para que isso ocorra os professores precisam de conhecimentos básicos em informática, e em como usar essa tecnologia a seu favor e principalmente a favor dos alunos".

Nesses dias modernos que estamos vivendo... precisamos nos adaptar a esses novos meios, novos recursos.. os alunos precisam e devem usar essas novas tecnologias...

André da Silva
Costa Rica - MS
avatar
Andre

Mensagens : 12
Data de inscrição : 18/06/2008
Idade : 39

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMOXCONSTRUCIONISMO

Mensagem  Ana Paula da Silva Zorzan em Sex 27 Jun 2008, 23:14

Concordo com o autor José Armando Valente, quando diz que o computador tem provocado uma revolução na educação por causa de sua capacidade de "ensinar". Tudo isso causa insegurança nos professores, que num primeiro momento temem sua substituição por máquinas e programas capazes de cumprir o papel antes reservado para o ser humano.
Mas cabe a nos conhecedores das nossas obrigações de educadores, buscar qualificação e atualização do mundo globalizado, por exemplo, a cultura de outros países entra na nossa sociedade de forma rápida, da mesma forma, que podemos divulgar nossa cultura, nossa produção educacional e intelectual mais facilmente. É neste contexto, que nós educadores precisamos discutir qual a importância, o impacto, e como este meio globalizado pode ser aproveitado na educação.[b]
avatar
Ana Paula da Silva Zorzan

Mensagens : 15
Data de inscrição : 16/06/2008
Idade : 44
Localização : Bataguassu

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  Ana Paula da Silva Zorzan em Sex 27 Jun 2008, 23:52

VitorApt escreveu:Vejo a informática na educação como um auxiliar, um complemento daquilo que o aluno recebeu em sala pelo professor. Através dos recursos que o computador e internet podem oferecer, o aluno pode absorver com mais facilidade aquilo que já foi ensinado. Não devemos enxergar a sala de informática como a salvação para os problemas de aprendizagem em sala, mas como um início de melhora. Em tempos que os estudantes estão sem perspectivas, novas formas de incentivo e aprendizagem são extremamente bem vindas.

Olá Vitor, concordo com vc que a informática na educação é uma grande aliada, através dos recursos disponiveis no computador e internet podemos tornar nossas aulas mais atrativas. Jamais podemos enxergar a STE como a salvação para os problemas e sim uma ferramenta capaz de contruir projetos que enriqueça nossas aulas e não o uso de somente pesquisas.
Ana Paula - Bataguassu/MS
avatar
Ana Paula da Silva Zorzan

Mensagens : 15
Data de inscrição : 16/06/2008
Idade : 44
Localização : Bataguassu

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  Angélica em Seg 30 Jun 2008, 17:41

O homem que sempre buscou aprimorar sua inteligência procurou formas de vencer as barreiras impostas pela natureza e assim acabou desenvolvendo e criando as invenções tecnológicas que o ajudavam a superar as dificuldades.
A tecnologia surgiu para ajudar as sociedades em todas suas necessidades. Ficar fora do mundo da informática é um péssimo negócio. Saber operar um computador não é uma qualidade, mas uma necessidade para qualquer pessoa que deseje um bom emprego no futuro. O computador é fonte de lazer e porta de entrada para a modernidade.
avatar
Angélica

Mensagens : 2
Data de inscrição : 17/06/2008
Idade : 35
Localização : Bataguassu - MS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informática na Educação

Mensagem  ivani em Qua 02 Jul 2008, 16:44

O uso do computador como um meio de buscar novos conhecimentos apresenta grandes desafios e não temos outra alternativa a não ser acompanhar a evolução dessa tecnologia. A educação precisa de algo novo e esse novo deve partir principalmente de nós que estamos acostumados com tudo pronto, acho que é o momento de pararmos e refletirmos no quanto a tecnologia pode nos ajudar quanto educadores, não que a informática vai resolver todos os nossos problemas, mas pode ser o início da resolução dos mesmos.
avatar
ivani

Mensagens : 17
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  ivani em Qua 02 Jul 2008, 16:59

Simone Aparecida Silva de escreveu:O computador não deve ser visto pelo aluno e professor como a solução do problema, mas sim com um caminho para encontrar a solução. O aluno deve usar um programa para ajudá-lo a fazer buscas e solucionar desafios. O professor deve conhecer o programa para poder orientar esse aluno em suas atividades, para realizar buscas e desenvolver potencialidades. O software deve sero ponto de partida e meio e não a somente solução. Laughing

Concordo com você Simone, eu também acho que o uso do computador na escola pode ser o inicio da solução para os nossos problemas, mas para isso, nós professores precisamos realmente conhecer aquilo com que vamos trabalhar, pois só assim, penso eu, teremos sucesso no que vamos fazer.
avatar
ivani

Mensagens : 17
Data de inscrição : 17/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comunicar-se para conhecer

Mensagem  Soraya Lemes Runichi em Qui 03 Jul 2008, 00:43

Nota-se claramente no texto lido que o ser humano é uma caixa de surpresa.Que para saber se o aluno está aprendendo o professor não deve avalia-lo somente por provas escritas e sim, pelas suas competências em sala de aula.O educador necessita dispor de várias ferramentas para que o aluno possa aprender,e uma dessas,é o computador.
Hoje faz parte do dia-a-dia de nossos alunosmuito mais que antes.Esta é a realidade que temos que aceitá-la.
Por isso que repito a frase de Sócrates:SÓ SEI QUE NADA SEI.
Como avaliar o aluno de forma diferente ,se quando vai prestar um concurso,vestibular o mesmo,tem que se sobressair na prova escrita?

Soraya Lemes Runichi

Mensagens : 2
Data de inscrição : 20/06/2008
Idade : 45
Localização : Bataguassu

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Informática na educação: Instrucionismo x construcionismo

Mensagem  sandra durao em Qui 17 Jul 2008, 16:19

Vejo que com o avanço tecnológico, todos estão envolvidos por esse processo de uma forma a não poder se relacionar sem estar envolvido diretamento com a informatização.
A importancia da informática na educação é trazer os "alunos" pois é com quem nos comunicamos diretamente, formas para facilitar ainda mais esse intercambio. Pois o computador é somente uma máquina, ao qual o conhecimento vindo do aluno deverá ser construido através dele. A construção do conhecimento é parte integrante que leva professores a estarem aptos a aprender e passar tecnicas e alunos a construir e desenvolver o conhecimento. Razz

sandra durao

Mensagens : 2
Data de inscrição : 18/06/2008
Idade : 40
Localização : Paraiso das Águas/Costa Rica-MS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: INSTRUCIONISMO X CONSTRUCIONISMO (José Armando Valente)

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum